Um pouco do cotidiano de uma irmã de um jovem com autismo

                  

 Sobre nós

Quando eu tinha cinco anos de idade, perguntei para minha mãe o que o Mateus tinha de diferente. Ela me explicou que ele tinha autismo e que eu teria duas opções: amá-lo ou rejeitá-lo. Então, respondi: eu quero amar, mamãe!

Eu sou a Fernanda. Sonhadora, sensível e apaixonada pela vida, pelas pessoas e pelas histórias. Amo ler, dançar e viajar. Gosto de comidas (e lugares) exóticos. Amo estar com pessoas. Socióloga, pós-graduanda em Saúde Pública, palestrante, voluntária da causa do Autismo e irmã do Mateus. Mateus é um jovem com autismo severo. Um bebê gigante que ama a família, os amigos, o Mickey e a rotina. Fala tudo com o olhar (e que olhar!), sem nunca ter dito nenhuma palavra. Gosta de assistir desenhos animados, passear de elevador e de escada rolante no shopping e comer hambúrguer e batata-frita.

Eu tenho 24 anos e ele, 22. Crescemos juntos e convivendo aprendemos um com o outro (eu mais com ele! haha). Com o Mateus, descobri minha missão e propósito de vida. Por causa dele, conheci muitos outros autistas e seus familiares, faço trabalhos voluntários que buscam difundir conhecimento sobre o Autismo no Brasil e tenho escolhido diariamente uma carreira que me ajude a falar de Autismo de forma responsável e consciente.

Certamente, eu não seria essa Fernanda se ele não fosse esse Mateus. Gratidão, desafio, lutas e alegrias! Tudo misturado e tudo para que este mundo seja cada vez mais azul!

Sejam muito bem-vindos!